quinta-feira, 14 de junho de 2012

Carta: Medo de esquecer

Querido...
Estou arrependida de não ter te impedido de ir embora, sei que isso já faz algum tempo e eu devia estar conformada com a sua ausência, fazer o que não estou, aliás acho que estou cada dia pior, você não precisa está do meu lado pra estarmos juntos, que quando estou sozinha te vejo em tudo, e basta fechar os olhos pa te ver aqui do meu lado, mas tudo isso não se compara em sentir sua respiração, seu abraço. Claro que pensei que tudo era era pra sempre, mas na música "o pra sempre, sempre acaba", agora te mando várias cartas, esperando que você não me esqueça, mas com tanto tempo acho que estou te esquecendo, sei que você é a pessoa mais honesta que conheço e tem um lindo sorriso, mas não sei em que você mudou e se você têm os mesmos costumes.
Ps: NUNCA cansarei de te esperar.NUNCA!

Nenhum comentário:

Postar um comentário