segunda-feira, 9 de julho de 2012

Carta: Minha respiração depende da sua

Querido...
Quando me lembro que tinha tudo e hoje não tenho nada, e hoje meu sorriso é dedicado a coisas banais. E que a força que tenho de me levantar todos os dias é saber que você está vivo. Queria ter um poder de te localizar até no inferno, por que é triste, MUITO triste está longe de você.
Já pensei em mil e uma pessoas para te substituir, mas elas não me olham do mesmo jeito que você (as vezes acho que nem me vêem), elas não sorriem com a mesma alegria e nem perguntam se estou me sentindo bem. Não estou procurando outro você, mas seria ótimo encontrar alguém que me entendesse sem cobrar nada (terapia não pode me ajudar, só gastar dinheiro).
As vezes penso em me matar, mas seria pior, não quero que as pessoas se lembrem de mim como uma fraca que não resiste a falta das pessoas  amadas. Mas o que seria do mundo sem o amor, sei que existe gente ruim que odeiam tudo e todos, pelo menos elas se amam, não tem como ser feliz sem ter um motivo para viver e com já disse me mantenho em pé, por que sei que você está respirando e cada segundo da sua respiração me dar mais uma gotinha de vida.
Ps:Não pare de espirar, por que vou parar também.

Nenhum comentário:

Postar um comentário