quarta-feira, 24 de julho de 2013

Me Deixar

 No momento que coloquei os olhos em você soube que você era um idiota, mas que era o único idiota que conseguiu mexer comigo. Você não me deu atenção, na verdade acho que me olhou por uns quatro segundos, nem liguei, estava em um relacionamento conturbado e aquele era o meu momento de diversão com as minhas amigas, mas simplesmente não parei de te olhar e, sim, você me fez parar de sorrir, não me pergunte porquê.
Depois que terminei com o cara que já me fez chorar mais do que eu pensava que fosse possível, minhas amigas me perguntaram se eu queria conhecer alguém - minha resposta? - Claro que eu queria conhecer alguém, sabe aquelas garotas vingativas que sofreu por um amor e depois pensam que todos os outros caras vão à tratar do mesmo jeito? Pois é, elas não existem só em séries, queria maltratar alguém e, que pena, elas me apresentaram você.
Muito legal, legal demais, fingi que não estava nem aí, mas você logo percebeu o meu jogo e, me chamou de desconfiada, se tornou meu amigo, me fez confiar, me pediu em namoro, pra depois me deixar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário