domingo, 26 de outubro de 2014

Na Dúvida Abrace

Sou daquelas que não dispensa um abraço. Abraço amigas, amigos, parentes e até os não tão amigos assim. Gosto de sentir a energia do outro por um abraço.
Nessa minha fissura por abraços gostosos, já ganhei muitos abraços desgostosos, existem aqueles que vêm acompanhados de tapinhas nas costas, desses aí nunca gostei, sei lá, me parecem um pouco falsos, e têm aqueles que não dá para sentir a pessoa, ela fica tão longe que mais parece uma tentativa de se afastar.
Mas também já ganhei abraços deliciosos, daqueles que faz os músculos doerem por causa da força e o coração acelerar por causa da intensidade. Outros que me tiraram do chão literalmente para me fazer muito feliz. E ainda têm aqueles que me fazem fechar os olhos instintivamente.
Enfim, se me perguntarem mais uma vez o que eu quero ser quando crescer vou dar uma resposta diferente, mas sincera: Eu quero ser uma daquelas pessoas que abraçam o mundo sem reservas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário